Casa de praia em paz com a maresia

Quem nunca sonhou em ter uma casa na praia? Se você é uma delas, já deve ter pensado no estrago que a maresia pode causar. Aquela brisa úmida e salgada que vem do mar danifica rapidamente alguns materiais. Por isso é preciso ficar atento ao construir ou reformar a casa de praia.

casa-de-praia

 

O que mais sofre com a maresia

 

As partes de metal da casa são as primeiras a sentirem os efeitos da maresia: grades, guarda-corpos, portas e janelas. Elas enferrujam com muito mais rapidez do que enferrujariam numa casa na cidade.

O que a gente pensa primeiro: trocar tudo por alumínio, inox ou pvc! Essa é uma boa ideia, mas fique atento aos detalhes:

  • puxadores, dobradiças, pregos, maçanetas, parafusos e soldas: também fazem parte das portas, janelas e portões, por isso abra o olho e preste atenção se esses itens também irão resistir aos efeitos da maresia,
  • peças elétricas da casa: os suportes para lâmpadas, partes internas de interruptores e outras peças menos visíveis irão sofrer bastante com a maresia. Fique de olho neles, pois é inclusive uma questão de segurança.

 

Outros materiais que sofrem com maresia

 

Mas a maresia é impiedosa até com as partes que não têm ferro. A maresia não danifica só porque é salgada, ela também é úmida. Por isso é preciso ter cuidado com partes da casa que não enferrujam:

  • madeira: evite colocar madeira em partes da casa que fiquem expostas, prefira ela no interior de casa e com o cuidado de escolher pregos e materiais resistentes à maresia, além de um bom verniz ou pintura porque mesmo dentro de casa ela corre o risco de pegar fungos,
  • tijolos: a maresia pode corroer até o tijolo! De preferência não o deixe exposto, sempre reboque e pinte. Mas se preferir mesmo o estilo tijolinho à vista, esteja ciente de que você precisará passar algumas mãos de verniz, silicone ou produto específico. Mesmo esses tratamentos não é mais forte que a maresia. Isso vale para a madeira também: é preciso renovar a envernização todo o ano,
  • paredes: outra eu sofre muito com mofo que é causado pela alta umidade da maresia. Além disso as paredes externas da casa vão sofrer mais desbotamento, então prepare-se para renovar a pintura em intervalos de tempo menores que a casa da cidade,
  • tecidos: até os tecidos sofrem com a maresia! Eles pegam mofo com maior facilidade pela alta umidade das regiões litorâneas.
Alguns materiais como alumínio, pedras e cerâmicas resistem melhor à maresia. Prefira, por exemplo, o porcelanato imitando a madeira como neste piso.
Alguns materiais como alumínio, vidro, pedras e cerâmicas resistem melhor à maresia. Prefira, por exemplo, o porcelanato imitando a madeira como neste piso.

 

Antídotos anti-maresia

 

  • tintas antifúngicas: prometem evitar a instalação do mofo. Ela pode ser aplicada tanto nas partes de madeira quanto nas paredes. Esse tipo de tinta vai ser eficaz só para combater o mofo causado pela alta umidade,
  • esmalte sintético: combatem melhor a ferrugem porque criam uma camada que protege as partes metálicas,
  • verniz: as partes com madeira e tijolo à vista que ficam expostas ao sol e maresia precisam de um verniz bem forte. Não existe verniz 100% a prova de maresia, mas alguns são mais indicados e resistentes à situações extremas, é o caso do verniz náutico,
  • revestimentos como pastilhas e porcelanatos: ajudam a proteger os materiais das paredes e pisos. Já pedras porosas como a pedra são tomé não são uma boa ideia pois podem ser mais propensas a se degradarem,
  • tecidos de poliéster: são os mais indicados para a casa da praia. Eles duram mais tempo e mais difícil que peguem mofo então são os mais indicados para serem usados no revestimentos de estofados e na decoração,
  • para as partes metálicas: a melhor forma de combater a maresia é trocar tudo mesmo por materiais que não oxidam: pvc, alumínio e aço inoxidável. Mas lembre-se de que todas as peças devem ser nesses materiais, não adianta você comprar uma janela de alumínio com dobradiças e puxadores que irão enferrujar. Além do transtorno de precisar ficar trocando há ainda a questão da segurança, já que fica mais fácil de quebrar.

 

Ter uma casa na praia é muito bom. Para garantir que seja mesmo, que os dias que você estiver nela sejam puro desfrute e não sessões de manutenção desgastastes, tome estes cuidados na hora de construir ou reformar.

2 comments

  1. Preciso pintar uma grade de alumínio tem algum produto que proteja de maresia me informe por favor

    1. Daniel, o alumínio não aceita bem pintura, independente da maresia. As janelas e portas de aluminio brancas que vemos nas lojas recebem pintura especial em ambiente industrial.

      O alumínio só anodizado (aquele natural que compramos nas lojas) já resiste bem a maresia. Você até pode pinta-lo com esmalte sintético, mas se lixar antes para a tinta aderir melhor, vai remover parte da proteção anodizante e mesmo assim o esmalte vai durar pouco tempo: a depender do ambiente, em um ou dois anos você terá que repintar.

      Isso não se deve à maresia, mas a características próprias do alumínio mesmo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *