gabinete-para-banheiro-3

Gabinete para banheiro: 6 erros comuns e fáceis de evitar

Se o lavatório do seu banheiro tem bancada, nada mais prático que aproveitar o espaço abaixo dele para um armário. Um dos conceitos de organização que facilita muito o cotidiano da casa é guardar as coisas nos ambientes em que são usadas.

Neste ambiente, para esconder roupa suja, guardar à mão os sobressalentes de papel higiênico, sabonetes e demais artigos de higiene,  nada melhor que um gabinete para banheiro!

Sim, mas como você já cansou de ler aqui, todo cuidado é pouco para não cometer alguns errinhos que podem parecer meticulosos demais, mas que depois de usar seu banheiro várias vezes por dia durante anos, eles se revelam bastante irritantes. Vamos conferir?

 

Base de alvenaria

 

Falamos dela neste artigo sobre cozinhas,  mas nunca é demais afirmar. A base de apoio em alvenaria trás vários benefícios, entre eles: segurança no apoio do gabinete, evita dificuldade de alcance do piso sob o armário, facilita limpeza e reduz quantidade de piso no banheiro.

Para que ajude mesmo, é mandatório seguir algumas dicas:

  • profundidade sempre pelo menos 5cm menor que o armário (veja o próximo item do artigo).
  • largura também; 5cm de cada lado!
  • altura entre 15 e 20cm.
  • construa primeiro, antes de encomendar o gabinete: o marceneiro deve confirmar as medidas com a base pronta.
  • se o gabinete for comprado pronto, faça o oposto: construa a base só quando tiver o gabinete no local, para o pedreiro se certificar das medidas em detalhe.

 

Recuos para os pés

 

Aqui você vai dizer que estou exagerando, eu sei. Já falamos deste recuo no artigo sobre cozinhas. É verdade que na cozinha se permanece em pé na frente da pia muito mais tempo do que do lavatório do banheiro. Mesmo assim, vá por mim: qualquer tarefa mais demorada, como pintar o cabelo, por exemplo, vai fazer suas costas doerem se não tiver espaço para as pontas dos seus pés.

Escolhi de propósito esta foto para este artigo. Veja que bacana a composição do banheiro, o gabinete clássico, ficou lindo! Reparou na base? Minha lombar dói só de me imaginar usando esse lavatório!

 

Sifão

 

São comuns os conflitos do gabinete para banheiro com o sifão do lavatório. Prateleiras devem ter formato de “U” para deixarem o sifão livre. Mas cuidado! Ela deve ser fácil de remover para casos de manutenção do sifão: certifique-se de que as portas do gabinete abram o suficiente para permitir sua remoção sem traumas.

Outra opção é instalar duas prateleiras laterais e deixar o sifão totalmente acessível. Por favor, só não caia na conversa de uma prateleira com um “furo” no meio para o sifão… você vai praticar todo seu repertório de palavrões quando quiser tirar de lá!

 

Material próprio para umidade

 

Banheiros são classificados como “área molhada”. Claro, ali se usa água, se lava o ambiente com água também, por isso sempre usamos pisos laváveis e revestimos as paredes assim também. Mas o banheiro ganha de lavada das demais “áreas molhadas”, é o mais úmido dos ambientes de uma casa! É só lembrar do espelho embaçado depois do banho.

Isso mesmo: aquele vapor d’água invade cada ranhurinha de cada objeto que está no banheiro. Lá se condensa e literalmente “molha” tudo. Isso também se aplica ao gabinete! Capriche ao escolher o material com que ele será feito e deixe as ousadias para o lavabo, que não tem chuveiro, combinado?

 

Nichos abertos

 

Pelo mesmo motivo do vapor abundante, é preciso ser criterioso ao decidir usar nichos abertos. Além das dicas sobre o pó de que falo no artigo sobre decoração para facilitar a faxina,  leve em conta também este vapor ao escolher. Serão só enfeites de louça e umas plantinhas? Perfeito! Mas peço que pense bem quando se tratar de tecidos, papel higiênico, maquiagens em pó.

Aliás, por favor: banheiro não é lugar para guardar medicamentos! O que diz nas embalagens? Para guardar em local SECO.

 

Fundo do gabinete

 

Um dos maiores problemas que vejo nos gabinetes comprados prontos é que quase todos vêm já montados fechados, como verdadeiras caixas. Ocorre que o fundo do armário fica encostado – mas não colado – na parede que tem atrás.

A parede em si não sofre, pois está protegida por um revestimento impermeável. Mas a umidade que se acumula naquele fino vão entre ela e o fundo do gabinete – que via de regra é feito de material inferior ao das demais partes do armário – judia demais tanto do material do armário quanto de tudo que está dentro dele. Começa aquele cheiro de mofo que resiste às limpezas mais caprichadas, e você não consegue descobrir de onde vem.

Evite gabinetes com fundo, pelo menos no banheiro. Deixe aqueles azulejos da parede que você escolheu com tanto carinho aparecerem e seu gabinete viver mais arejado.

 

Vedação da bancada

 

Ainda falando sobre umidade, se seu gabinete fica mesmo sob a bancada do lavatório, redobre sua atenção sobre a vedação em dois pontos críticos: no encontro da bancada com a parede e também com as torneiras e misturadores. É muito comum vazar água nesses pontos, ainda que só um pouquinho. Sabe como é: de gota em gota se faz um oceano e, principalmente se voê não abre o gabinete com freqüência, quando ver o estrago já estará feito.

 

Como você pode ver, como tudo que tenho conversado aqui no site, o gabinete para banheiro é tudo de bom em praticidade e organização, mas pode se transformar numa encrenca se não merecer de você atenção a estes detalhes.

Tome estes cuidados no projeto, na compra e na instalação do seu gabinete e desfrute de todos os benefícios que ele vai trazer para a organização da sua casa!

You Might Also Like

4 comments

  1. Gostei muito da forma como você escreve. Parece realmente que está conversando com alguém e demonstra conhecimento de causa.
    Adoro ler textos bem pontuados e de fácil entendimento.
    Parabéns!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>