jardim-inverno-cafe

Jardim de inverno: a estrela da sua casa!

Muito mais que mera solução de iluminação natural, o jardim de inverno integra os ambientes da casa, atribui uma deliciosa sensação de aconchego e muito mais! Confira estas dicas e depois me conte se não concorda comigo:

 

Jardim de inverno: o pólo integrador

 

jardim-inverno-2lados

Se você ainda está na fase de projeto, considere com carinho a idéia de colocar o jardim de inverno no centro da planta, literalmente! Já imaginou, você na cozinha, conversando com seu pai na sala de estar através das folhagens do jardim? Ou com seu filho no mezanino? É possível sim!

O jardim pode ficar entre vários ambientes, fechado só por vidros e integrando todos eles. E ainda com essa deliciosa sensação de aconchego que as plantas proporcionam.

 

Integração total!

 

jardim-inverno-2

Você pode acentuar ainda mais essa integração com uma dica simples, que ainda vai reduzir o custo: cubra seu jardim de inverno com material transparente, que permita total acesso à luz natural, mas não à chuva.

A cobertura permitirá que seu jardim fique totalmente aberto aos ambientes adjacentes, nada de paredes nem vidros! Se sua casa tiver mais andares e ele estiver no térreo, aproveite, faça a cobertura acima do último pavimento e deixe seu jardim com pé-direito duplo. Assim permita que áreas dos andares superiores como halls, escritórios, salas de estar e corredores fiquem abertos para o jardim, protegidos apenas por guarda-corpos.

Além de integrar os diferentes andares, você pode pendurar plantas e até ter árvores, permitindo que desfrute do verde também nos andares mais altos.

 

Pisos contínuos

 

Quer integrar ainda mais? Se o tamanho do seu jardim de inverno comportar, aplique piso em parte dele, até para que ele possa ser uma área utilizável e não apenas contemplativa.

Nesse caso, experimente simplesmente continuar o piso de um dos ambientes para dentro do jardim. O limite entre os dois ficará indefinido e isso estimulará as pessoas a transitar entre um e outro com total liberdade.

jardim-inverno-integrado

Use!

 

Aproveite e inclua mobília, duas poltronas com uma mesinha, uma rede… seu jardim será disputado nas horas de descanso, leitura ou um bom papo pra jogar fora no fim do dia. Atraente, não é mesmo?

Quer mais? Que tal fazê-lo anexo à cozinha e transformá-lo em copa? Já pensou tomar café da manhã no jardim todos os dias, sem sair de casa? Luxo só!

 

Insira outros elementos

 

jardim-inverno-b

Não só de plantas se faz um jardim! Outros elementos como pedras, vasos de diferentes materiais, formas e tamanhos, fontes e enfeites de parede são algumas dicas de elementos que vão valorizar ainda mais seu jardim de inverno.

Mas cuidado para não pecar pelo excesso! Elementos demais acabam poluindo o ambiente. A palavra de ordem é equilíbrio: escolha com cuidado e deixe seu jardim de inverno lindo e aconchegante!

 

Conforto térmico

 

O jardim de inverno, quando bem projetado, pode ser o maior regulador de temperatura da sua casa, contribuindo inclusive para a redução dos custos com energia, tanto para ar condicionado quanto para aquecimento.

Em climas muito quentes, o jardim de inverno bem posicionado e dimensionado promove o “efeito chaminé”, fazendo o ar fresco circular constantemente pela casa e o ar mais quente ir embora. Em regiões quentes e úmidas, isso melhora a sensação de conforto em toda a casa e muda o nome de seu jardim de inverno para “jardim de verão”: com uma brisa constante, ninguém mais vai querer sair de lá!

E nos climas frios? Efeito estufa! Cubra seu jardim com material transparente, o mais baixo possível e bem fechado para não deixar o ar quente sair. Pronto! Calorzinho dentro de casa o dia todo.

Mas na sua casa tem as duas estações… complicou? Que nada! Mantenha a cobertura transparente, mas com aberturas laterais que possam ser abertas e fechadas conforme a necessidade. Pronto! Abriu: chaminé. Fechou: estufa!

jardim-de-inverno

 

Iluminação

 

O ideal é sempre ter iluminação natural para suas plantas, mas você pode também somar iluminação artificial para valorizar o espaço e aproveitá-lo também à noite. Refletores de luz bem localizados para iluminar algumas plantas valorizam o seu jardim de inverno e atraem a atenção para ele, principalmente durante a noite.

Ilumine somente aquilo que quer valorizar, como um elemento decorativo ou um arbusto. Cuidado para não exagerar na iluminação, pois pode causar efeito inverso, reduzindo a sensação intimista.

 

Invista em diversidade de plantas

 

Plantas de diferentes alturas e cores darão um aspecto melhor ao jardim, que fica menos monótono.

Se por um lado se deve evitar a monotonia, também fuja da bagunça visual! Escolha espécies de plantas que combinam, seja pela semelhança ou mesmo pelas diferenças bem compostas de cores e texturas.

Se você vive sem tempo ou mesmo se não curte ficar cuidando das plantas e não tem quem o faça, seja realista e escolha espécies que requerem menos cuidados. Plantas como as bromélias, palmeiras, arbustos de médio porte e cactos exigem menos ou nenhuma poda, assim você evita o risco de seu jardim de inverno ficar com aspecto desleixado.

jardim-inverno-a

 

 

Agora falando sério: o jardim de inverno devidamente valorizado, é ou não é uma estrela de grandeza maior? Eu sou fã! E você, o que acha? Me conte nos comentários, quero saber!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>