Jardim-vertical-10

Jardim vertical: 10 idéias para montar o seu

O jardim vertical é uma opção perfeita para quem quer desfrutar dos benefícios e frescor do verde, mas tem pouco espaço para plantar. Seja para fazer sua horta de ervas na cozinha, plantas de sombra  ou para criar um mix de cores e texturas no muro do quintal, os jardins verticais têm se difundido rapidamente.

Hoje já é possível montar diversos tipos de jardins verticais: dos pequenininhos quadros emoldurados, reutilizando garrafas PET ou fixando vários andares de calhas de PVC no muro, até os mais sofisticados.

E como as opções são variadas, veja abaixo alguns modelos de jardins verticais para se inspirar, escolher o seu e desfrutar do frescor aconchegante das plantas na sua casa.

 

Se você procura um jardim vertical simples de instalar, o melhor formato são os vasos fixados na parede formando composições mais clássicas como as fileiras, ou mais ousadas… use sua criatividade!

jardim-pequeno-4

 

Outra opção é pendurá-los por cabos ou ganchos, caso você ache que sua parede não vai resistir ao peso ou à umidade.

jardim-vertical-a

 

Ou ainda, se preferir, pode simplesmente apoiar ou encaixar os vasinhos em prateleiras fixas à parede ou penduradas conforme a imagem abaixo. Fica uma composição mais organizada, bem adequada para ambientações minimalistas.

Jardim-vertical-b

 

E se você tem um lado mais sustentável e se preocupa com o reuso dos materiais, uma boa ideia é montar um jardim vertical reutilizando garrafas PET. Eu prefiro este tipo, que usa as garrafas na vertical. Aqueles com as garrafas enfileiradas na horizontal, apesar de aproveitar melhor o material, me passa uma impressão de composição menos harmônica, não sei por quê.

Jardim-vertical-c

Seguindo a mesma linha da reutilização, também pode ser aproveitado um palet. A madeira já envelhecida pelo uso atribui à composição um ar rústico, campestre, superaconchegante. Combina superem com uma horta!

Jardim-vertical-d

 

Ou ainda aquele velho porta calçados de plástico ou outro material que você tiver no “fundo do baú” e nem utiliza mais:

Jardim-vertical-e

 

Como essa é uma opção bastante utilizada, hoje já existem peças específicas para formação de jardins verticais. Os modelos são feitos de fibra natural de coco, de pneus reciclados ou outras fibras sintéticas, que podem ser encontradas em vários home-centers ou garden-centers, alguns inclusive já disponibilizam serviços de e- commerce, facilitando ainda mais a compra. Vale a pena conferir!

Jardim-vertical-f Jardim-vertical-g

 

Uma opção interessante para muros maiores e que, com um pouco de tempo e habilidade você pode montar sozinho, é a instalação de calhas de PVC. Essas calhas são moduladas e montadas por encaixe. Os fabricantes costumam publicar vídeos na internet bem didáticos que ensinam a montar e você pode encontrá-las facilmente nos home-centers.

Jardim-vertical-h

 

Em termos de peças mais contínuas como as calhas, para promover uma cobertura maior do seu jardim vertical sobre a superfície a ser “plantada”, existem vasos próprios que são superpráticos: são fixados à parede apenas com parafusos. Uma das vantagens é que eles cobrem totalmente a parede atrás deles com material impermeável, protegendo-a da umidade, veja:

Jardim-vertical-i

Por fim, o formato que eu acho mais chique… olha só que mimo! Os detalhes são delicadíssimos e podem compor uma decoração mais ousada. Este exemplo é discreto, mas você pode abusar das cores da sua moldura!

Jardim-vertical-j

 

 

Opções bem bacanas, não é mesmo? Então: qual dessas ideias combina mais com aquele espaço que você quer plantar? Escolha a sua e mãos à obra! Depois nos mostre o resultado do seu jardim vertical nos comentários!

 

Para aprender mais:

decoracao-interiores  Curso de Decoração de Interiores (online)

 

 

 

iluminacao-paisagismo  Curso Iluminação de Paisagismo (online)

 

 

 

 

 

You Might Also Like

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>